Sábado, 15 de junho de 2024 - Email: [email protected]




Scarpa e Pedrinho brilham e Hulk encerra jejum em goleada do Atlético-MG sobre o Caracas

Em jogo pela última rodada do grupo G da Libertadores, Galo não toma conhecimento do Caracas, faz 4 a 0 e termina em 1º



- Advertisement -
Foto: Pedro Souza / Atlético – Legenda: Scarpa celebra o gol de Pedrinho (de costas), o primeiro do Atlético sobre o Caracas / Jogada10

Sem a menor dificuldade, o Atlético goleou o Caracas por 4 a 0 na noite desta terça-feira (28/5), na Arena MRV. O duelo fechou a última rodada do Grupo G e, como esperado, o Galo mandou em campo e teve atuações excelentes de Gustavo Scarpa e de Pedrinho e fim de jejum de Hulk. Scarpa deu passes precisos e assistências para dois gols. Já Pedrinho marcou seus dois primeiros tentos pelo Atlético. Enfim, Hulk fez um golaço no último lance do jogo. Ele não marcava há oito partidas. O outro gol foi de Alisson.

A vitória leva o Atlético aos 15 pontos, confirmando o primeiro lugar do Grupo G. Já o Caracas terminou em último, com um ponto.  Agora o Galo espera o sorteio das oitavas para saber qual o segundo colocado que enfrentará, jogando a volta em casa. O Grupo G teve o Peñarol classificado em segundo lugar, também avançando à oitavas. O Rosário Central, em terceiro irá para a repescagem da Sul-Americam contra um segundo colocado da Sul-Americana.

Scarpa brilha e Pedrinho desencanta
O Caracas entrou fechado, tentando segurar o ímpeto atleticano. Mas, aos sete minutos, Cadu recebeu e, ao driblar o goleiro Faríñez, acabou sendo tocado pelo arqueiro. O juiz nada deu. Mas o VAR o chamou e o goleiro levou o vermelho. Nesta falta, Hulk chutou e o goleiro reserva Benítez defendeu a bomba que ainda foi na trave.

Com um a mais, o Galo passou a jogar na intermediária dos venezuelanos. Não por acaso chegou ao gol em dois lances bem parecidos e com assistências de luxo de Gustavo Scarpa pela esquerda.  O primeiro, aos 27, quando Scarpa recebeu e cruzou na cabeça de Pedrinho. Enfim, após 51 jogos, o meia/atacante fez seu primeiro tento pelo Galo. O outro aos 39. Desta vez o cruzamento achou Alisson que pegou de voleio,

A bola só não entava com Hulk. Afinal, além da falta na trave, chutou uma bomba por cima. Depois, recebeu livre, entou na área e tocou de cavadinha, mas Benítez salvou. Assim, o atacante foi para o intervalo lamentando três chances e seguindo com o jejum de nove jogos. E o Galo fechou a etapa com oito finalizções contra nenhuma do Caracas e incríveis 83% de posse.

Atlético amplia. Enfim, Hulk deixa o dele
Nada mudou. Galo em cima, Hulk perdendo ótima chance em bela jogada individual, Fuchs chutando e o goleiro Benpítez salvadoi  gol de Pedrinho. O tento saiu aos 16 minutos, quando o apoioador recebeu de Hulk a mandou de fora  da área.  Hulk seguiu lamentando a falta de sorte. Em nova falta, Benítez salvou. Aliás, o excelente goleiro reserva evitou gol certo de Palácios, além de ter sorte no chute de Arana: passou por ele, mas foi na trave. Contudo, aos 48, Hulk recebeu pela direita e chutou rasteiro no canto esquerdo de Benítez. Enfim, a bola do artilheiro entrou.

ATLÉTICO-MG 4X0 CARACAS
Libertadores 2024 – Sexta rodada – Grupo G

Data: 28/5/2024

Local: Arena MRV, Belo Horizonte (MG)

Público: 28.455

Renda: R$ 1.818.227,72

ATLÉTICO-MG: Everson; Mariano, Bruno Fuchs (Rômulo, 33’/2ºT), Battaglia (Igor Rabello, 10’/2ºT) e Arana; Zaracho (Igor Gomes, Intervalo), Pedrinho e Gustavo Scarpa (Palacios, 20’/2ºT); Cadu (Alan Kardec, 20’/2ºT) Alisson  e Hulk. Técnico: Gabriel Milito

CARACAS: Faríñez; La Mantía, Bianneider Tamayo, Manrique, Casiani (Mollica, Intervalo); Renne Rivas, Edet (Bryan Rodrigues, 37’/2ºT), Rodríguez (Padilla, 20’/2ºT) ne Ortega; Danny Pérez (Benítez, 12’/1ºT) Echenique (Reinoso, 37’/2ºT). Técnico: Henry Meléndez

Gols: Pedrinho, 27’/1ºT (1-0); Alisson, 39’/2ºT (2-0); Pedrinho, 16’/2ºT (3-0); Hulk, 48′ do 2ºT (4-0)

Árbitro: Guillermo Guerrero (EQU)

Assistentes: Dennys Guerrero e Danny Ávila (ambos Equador)

VAR: Benjamín Saravia (CHL)

Cartões amarelos: Zaracho, Cadu (ATL)

Cartões Vermelhos: Faríñez (CAR), aos 9’/aos 1ºT

 



Últimas Notícias





Veja outras notícias aqui ▼
error: Conteúdo protegido